ROMPIMENTO ESPERADO

 

 

 

 

 

 

 

 

Finalmente o PMDB através do vice-presidente Michelo Temer verificou que a crise entre o congresso e o Planalto não é apenas por falta de articulação. Mas, tambem em virtude da Presidanta não reconhece o problema já que sai vitoriosa na maioria das votações. O aviso a Dilma será dado alertando para a gravidade da situação com iminente risco de rebelião. Alguns petistas já estão pessimistas quanto ao desempenho do partido nas eleições estaduais e que vislumbram um horizonte sombrio e duro nas respectivas campanhas, sendo em particular a sucessão de Jaques Wagner na Bahia. Por tudo isso, a falta de acordo já ameaça alianças e fatalmente refletirá no desempenho eleitoral da presidanta. A 'relação matrimonial' entre PT & PMDB vem sendo desgastada há tempos. Sempre foi no atual governo uma bomba de efeito retardado. O futuro nos dirá.

Por Roy Lacerda.