Home O INDIGNADO

O INDIGNADO

A CADA DIA, UMA AGONIA,

O funcionário fantasma escapou da prisão por vadiagem e virou ministro do Trabalho

A Folha de S. Paulo piorou o sábado dos pecadores com a notícia pinçada nas catacumbas do Congresso: durante seis anos, Carlos Lupi foi funcionário fantasma da Câmara dos Deputados. Até virar ministro do Trabalho por decisão de Lula, embolsou mais de R$12 mil por mês para não fazer nada.

Há quase um mês, o Brasil que pensa é afrontado pela permanência no emprego de um ministro comprovadamente corrupto. Coisa de Dilma Rousseff. Acaba de saber que o Ministério do Trabalho é chefiado desde março de 2007 por um vigarista que merecia ter sido preso por vadiagem. Coisa de Lula.(Augusto Nunes/VEJA).

COMENTÁRIO do INDIGNADO:

Tenho que dar as mãos à palmatória do “MAROLINHA”. “Nunca antes na história desse país, tantos escândalos vieram a público. Contudo sem nenhuma punição que traga RESTABILIDADE ao governo, o qual limita-se a substituições ministeriais. A noticia do colunista de VEJA, traz mais um escabroso detalhe sobre o que se passa nos horrorosos porões do Planalto. E a ex-guerrilheira, diz que não tolerará  “mal-feitos” no teu governo. Será que também a exemplo do padrinho político, não sabia de nada? faz-me rir tanta hipocrisia. Tudo que começa errado, termina errado. E o atual governo erra desde o primeiro dia. Errar, diz-se ser humano. Mas, persistir no erro, burrice. Já estou de saco cheio de tanta corrupção.  Fico a imaginar que presente de Natal será dado aos brasileiros. O que trará no saco (?) a Mamãe Noel? A sabedoria popular è quem está correta: O FUTURO SÓ DEUS SABE!

 

CUSPINDO MARIMBONDOS

CUSPINDO MARIMBONDOS

O convite do amigo Roy Lacerda e equipe, alem de deixar-me lisonjeado, aumenta minha responsabilidade ao assinar esta coluna, pois, terei carta-branca e lavada com ‘Omo-total’.

E já de inicio, começo  a ‘cuspir marimbondos’, com a atuação do STF, mantendo válida a lei que determina o reajuste anual do valor do salário mínimo por meio de decreto presidencial de 2012 a 2015, com base no Ìndice Nacional de Preços ao Consumidor(INPC). Quando na realidade o Congresso Nacional é que teria o poder  de decisão,(assim determina a Constituição Federal), sem delegar a competência integralmente ao Executivo.  A lei, agora válida, impede que que os parlamentares dêem o seu crivo. A presidência, determinando os aumentos anuais,  o fará como bem entender. Não posso entender como se erradicará a pobreza no país, um dos compromissos de campanha da ex-guerrilheira. È inaceitável, tal situação. O trabalhador brasileiro continuará a ter salários achatados em todos os níveis e ainda terá que pagar novos impostos. Os PeTralhas, como chama o mascate.blogspot.com não podem continuar dando as cartas e tomando o Brasil de assalto em conjunto com a base aliada, compostas por partidos que só visam os próprios interesses.  Quadrilhas e quadrilheiros não podem a cada dia ganhar mais força. FORA!!!!! O Brasil não quer ser continuar a ser esfoliado desavergonhadamente.

Banner